Faça da sua varanda um aposento para todo o ano.

Atualizado: Mar 12


Quem não gostaria de aproveitar mais a área da varanda e transformá-la em mais uma divisão da casa, podendo dar-lhe uso como jardim de inverno, sala de estudos ou até mesmo como um espaço de brincadeira para as crianças? Se a sua casa tiver uma varanda pode tornar este desejo realidade.


Com a ajuda da MELOM, empresa especializada e líder em remodelação de imóveis, damos-te algumas ideias de decoração que podem ser muito úteis para aproveitar ao máximo a sua varanda.

Dependendo da localização do seu apartamento ou moradia e das suas necessidades, existem no mercado vários tipos de soluções que podem ser escolhidos, destacamos o sistema de cortinas de vidro.


As cortinas de vidro não possuem estrutura vertical, garantindo o mínimo impacto na arquitetura do teu prédio ou moradia. O vidro permite, além da segurança garantida por vidro temperado e/ou laminado, o controlo do conforto térmico através da utilização de vidro de propriedades de baixa emissividade e controlo solar que reduz os custos de aquecimento no inverno e os de ar condicionado no verão. As cortinas de vidro podem ser recolhidas totalmente, garantindo desta forma que a varanda possa ser completa ou parcialmente aberta, bem como totalmente fechada para que possa usá-la durante todo o ano, independentemente do estado do tempo.


Proteção solar

Nos meses de inverno, o sol é bem-vindo, mas com a chegada do verão, a sua varanda pode facilmente transformar-se num “forno”, devido à área envidraçada de grande dimensão. A instalação de um sistema de persianas adequado de controlo manual ou motorizado vai proporcionar mais conforto, privacidade e proteção ao mobiliário.


Climatização da varanda

A par da proteção solar deve equacionar climatizar a área da varanda, principalmente no inverno. Um aquecedor elétrico instalado no teto sistema IR fornece calor infravermelho em dias e noites frias.


Muito fácil de montar, proporciona um ambiente quente e confortável e pode ser a solução que melhor se adapta. Ocupa pouco espaço e aquece muito bem, dando para regular a potência e temperatura no comando a distância. Só com uns segundos pode notar o calor. É perfeito.


Dê vida à sua varanda

Os jardins e plantações verticais ganharam recentemente muita popularidade, especialmente em casos em que o espaço é limitado.

Os jardins verticais não ocupam tanto espaço quanto na horizontal e acabam por trazer tanta alegria quanto a jardinagem comum. Além de trazer vida ao ambiente, o jardim vertical pode ser aproveitado, por exemplo, para esconder a máquina do ar condicionado, criando um móvel de apoio.


Aproveite o espaço, deixando-o bonito e ao mesmo tempo funcional. O mais comum é usar sofás e poltronas, afinal um espaço para relaxar é sempre bem-vindo. Quem quer inovar, construa um espaço gourmet com churrasqueira, combinado com uma mesa para reunir amigos e a família e aproveitar os bons momentos e ocasiões especiais.


Escolha os materiais certos

Para os pavimentos mosaicos, tijoleiras de barro, ardósias, deck de madeira ou compósito... diversos tipos de materiais podem ser aplicados em varandas, desde que apropriados para o exterior, mesmo que a varanda seja fechada com vidro, para não ter de se preocupar com a água da chuva ou dos vasos das plantas.

Optar por um piso colorido de mosaico hidráulico pode ser uma excelente opção: traz cor para o ambiente, deixando-o alegre e descontraído.


Para as paredes não hesite em utilizar os mesmos materiais dos pavimentos: se optar por deck nas paredes deve antes proteger o suporte com uma pintura adequada para o exterior. A pintura é a alternativa para os orçamentos mais económicos, mas no momento de decidir, não deve descurar a qualidade das tintas. Aconselhamos as orgânicas (tinta de silicatos), uma opção ecológica com um forte poder bactericida e fungicida, de qualidades especiais, que a distinguem das tintas plásticas tradicionais, proporcionando uma excelente estabilidade perante os agentes atmosféricos e a poluição.

O deck de madeira é um ótimo recurso para revestir pavimento, paredes e teto e criar um recanto aconchegante.


Antes de pôr mãos à obra…

Com as nossas dicas decidiu mesmo avançar para a renovação da sua varanda. Parabéns! Mas antes de pôr mãos à obra deve verificar as condições em que se encontra o pavimento, paredes e teto, de forma a diagnosticar a necessidade de uma intervenção a esse nível. Isto porque os materiais expostos às condições climatéricas ao longo dos anos, e devido à utilização e a degradação natural dos materiais, podem comprometer a impermeabilidade de um terraço ou varanda. Para prevenir estes problemas, é importante dispor de revestimentos de impermeabilização que se caracterizem pela simplicidade de aplicação, compatibilidade com revestimentos existentes e eficácia adequada a cada situação.


Normalmente, e para que possa converter a varanda numa dependência da casa, existem procedimentos específicos de autorização antes do começo da obra que deve ter em conta, tais como o licenciamento junto da câmara municipal e, se necessário, o consentimento prévio do condomínio.



Divirta-se, Bom Trabalho!



#Legalidade #Impostos #Documentos #Financiamento #MercadoImobiliário

8 visualizações